Alterar definições do Grab no OS X

Quando migrei de Windows para OS X estava habituado à flexibilidade que o FastStone Capture me dava ao fazer Screenshots (PrintScreen’s). Descobri um pouco depois que o OS X já tem uma aplicação para fazer tais ações – o GRAB.

No OS X não é necessário abrir nenhum programa. Para capturar a imagem do ecrã é tão simples como:

Cmd + Shift +3: Captura a imagem inteira do ecrã.

Cmd + Shift +4: Captura somente a área que é selecionada com o rato.

Cmd + Shift +4 + Espaço: Captura a janela que é apontada com o rato e que será destacada para ser identificada.

Por padrão as imagens capturadas são guardadas no formato TIFF e armazenadas no Desktop. No entanto pode ser necessário e, até é possível alterar estas definições.

Para alterar o formato basta abrir o Terminal e escrever o seguinte:
defaults write com.apple.screencapture type jpg

E depois,
killall SystemUIServer

Além do JPG é possível mudar o tipo de imagem para um dos seguintes formatos:

png Portable Network Graphic

pdf Portable Document Format

jpg Joint Photographic Experts Group (JPEG)

tif Tagged Image File Format (TIFF)

gif Graphics Interchange Format

pct Macintosh QuickDraw Picture (PICT)

bmp Microsoft Windows Bitmap

sgi Silicon Graphics

tga Truevision Targa

jp2 JPEG 2000

Para alterar a localização onde as capturas são guardadas basta executar o seguinte comando no Terminal
defaults write com.apple.screencapture location ~/Pictures

Nesta caso estamos a dar indicação que as imagens capturadas pelo Grab passam a ser armazenadas no diretório ~/Pictures. Para as alterações terem efeito imediato é necessário executar o seguinte comando:
killall SystemUIServer

One thought on “Alterar definições do Grab no OS X

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *